Ricardo Lima

Nasci em Angola, no final do período colonial Português, em 1972. Três anos mais tarde, em pleno tumulto de guerra e na sequência da independência de Angola a família vem para Portugal, começar uma nova Vida.

A Figueira da Foz, cidade onde o Rio Mondego encontra o Atlântico, acolheu-nos.

O meu primeiro contacto sério com a Arte de captar momentos decorreu nos “Encontros de Fotografia de Coimbra”, momento que instaurou um compromisso com esta paixão já fomentada pelo estudo de Artes, na Escola Secundária. Paixão que se constitui, em certos momentos, como modo de vida. 

Inicialmente era a figura humana o meu principal objecto fotográfico, mas logo o interesse se foi estendendo por diversas temáticas, alargando com a tomada de consciência de múltiplas semânticas, cada vez mais expansivas. Um Objecto, um Projecto, uma Viagem, um Texto ou simplesmente um Contexto, passaram também a ser elementos de Expressão.

A contemplação de novos motivos e perspectivas são uma constante, mas sinto um renovado e crescente interesse pelo Humano. 

© ricardo lima _ 2019
 

 

© Ricardo Lima